Tags

, , , , ,

2

Olá leitores,achei esta matéria pertinente ao nosso Mercado,espero que gostem,abraços,Flávia Brandão.

Conforto, exclusividade, status, facilidade de locomoção e perspectiva de valorização são alguns dos itens analisados pelos clientes de imóveis de luxo no momento da compra de acordo com pesquisas realizadas. Um desses estudos, desenvolvido pelo banco europeu Halliwell Financial Group, instituição especializada em gestão de fortunas, identificou que no Brasil a estimativa de negócios realizados neste segmento para os próximos cinco anos deve superar 4,5 bilhões de reais.

Esse número superlativo refleteo panorama atual do mercado imobiliário de luxo no país. Os índices mostram que o segmento cresce substancialmente e uma das razões desse crescimento acelerado é a união de dois fatores complementares: se por um lado o número de brasileiros com poder aquisitivo para comprar uma casa ou apartamento de luxo aumenta a cada ano por outro é cada vez maior o número de opções para agradar aos mais exigentes clientes.

E esse número crescente de imóveis de luxo não se limita apenas aos grandes centros como Rio de Janeiro e São Paulo. É claro que essas cidades lideram o ranking de procura de casas de alto padrão, afinal de contas estão ali os polos culturais e financeiros do Brasil. Entretanto as construtoras estão desenvolvendo projetos em praticamente todos os estados. O nordeste brasileiro vem com força total nesse cenário de descentralização. Em praticamente todas as grandes cidades da região nordestina, em especial no litoral, é possível encontrar opções atraentes que unem bom gosto e estilo.

E não é somente nos destinos dos projetos que as mudanças acontecem. O perfil do cliente dos imóveis de luxo também vem mudando bastante com o passar do tempo. Se até alguns anos o público-alvo principal era formado por investidores de outros países, hoje em dia o comprador brasileiro já é tratado como a prioridade e representa uma fatia considerável nas vendas de casas e apartamentos de alto padrão.

E as palavras de ordem nos projetos de luxo podem se resumir a três: tecnologia, segurança e sustentabilidade. A tecnologia se manifesta através das inovações que proporcionam aos moradores maior qualidade de vida dentro de suas residências como os pisos aquecidos, as persianas automáticas e o isolamento acústico. A segurança, por sua vez, se faz presente nos avançados sistemas de vigilância e no chamado “quarto do pânico”, uma alternativa de proteção que já é muito mais comum do que se pode imaginar. E a sustentabilidade surge exatamente pela exigência do cliente que busca formas de morar que impactem minimamente o meio ambiente e que se utilizem dos recursos naturais de maneira harmônica.

No que tange aos valores financeiros propriamente ditos, as opções que o mercado imobiliário brasileiro de luxo apresenta agradam aos mais distintos públicos e bolsos. Se o preço médio de uma casa ou apartamento de luxo pode variar entre um e oito milhões de reais, também é possível encontrar imóveis com valores oscilando entre 50 e 100 milhões de reais.

E se numa primeira análise essas cifras podem impressionar, elas se justificam sobremaneira no momento em que se percebe a importância dos imóveis de luxo como opção de investimentos. Apesar do conservadorismo, um imóvel é sempre uma ótima opção de investimento, pois tende a valorizar continuamente sem sofrer riscos maiores como ocorre com as ações e outras aplicações financeiras. Além disso, hoje já está disponível para os interessados a possibilidade de financiamento de imóveis de alto padrão. As linhas de créditos que se beneficiam da redução das taxas de juro atraem as atenções dos investidores interessado em ter maior liquidez.

Mas a grande procura por imóveis de luxo traz na esteiratambém alguns efeitos colaterais, sendo o principal a especulação imobiliária. Segundo o jornalista Sílvio Guedes Crespo, criador do blog Achados Econômicos, existem imóveis no Brasil que já custam mais do que castelos na França. “O preço dos imóveis subiu tanto no Brasil que vários apartamentos de luxo estão bem mais caros do que diversos castelos europeus. Na França, é possível encontrar châteaux anunciados por apenas R$ 3 milhões, precisando de reforma, ou R$ 6 milhões, prontos para morar.” ressalta o jornalista.

Para realizar o sonho de uma vida ou como alternativa segura de investimento, o mercado imobiliário de alto padrão no Brasil vai de vento em popa satisfazendo a cada dia novos clientes com imóveis repletos de conforto, elegância, sofisticação e muito luxo.

Por Elizandro

Anúncios