Tags

, ,

 

Custo do metro quadrado na cidade subiu 28,7% este ano; imóveis comerciais estão mais caros que os de Nova York, Mumbai, Moscou, Paris e Milão

05 de Outubro de 2011 às 09:37

Não está fácil morar no Rio de Janeiro. O custo do metro quadrado na cidade, segundo a última pesquisa Fipe/Zap, índice que mede, com base nos anúncios, o custo dos imóveis no país, subiu 144% desde janeiro de 2008.

No ano, a cidade maravilhosa também lidera o ranking nacional das cidades mais caras, com alta de 28,7%. Já no caso dos imóveis comerciais, segundo pesquisa da consultoria imobiliária Cushman & Wakefield, o Rio figura entre os mais caros do mundo, só superados por Hong Kong, Londres e Tóquio, mas na frente de Nova Iorque, Mumbai, Moscou, Paris e Milão. No acumulado em 12 meses, o preço médio do metro quadrado de imóveis das sete regiões pesquisadas aumentou 29,4%, com Rio de Janeiro (41,3%) e Recife (30,4%) liderando a alta.

Ao longo de 2011, o preço médio teve alta de 21,3%. A justificativa para o salto no preço dos imóveis, que levam um três quartos no Leblon custar mais de R$ 2 milhões, segundo especialistas, deve-se em grande parte à escolha do Rio para sede da Copa do Mundo de 2014 e das Olimpíadas de 2016. Mas não é só isso. Na verdade, desde a crise de 2008, o custo dos imóveis vem subindo em todo o País e mesmo no mundo. Este ano em São Paulo, os preços subiram em média 20,9%, mas desde janeiro de 2008, a alta foi de 113%. 8.837.

No Rio de Janeiro, segundo a pesquisa, imóveis com quatro ou mais dormitórios registraram alta de 4,4% em setembro. Leblon, onde o metro quadrado foi anunciado por R$ 16.347, lidera a lista dos maiores preços. Já a região de Anchieta, no subúrbio carioca, apresentou novamente o menor valor para o metro quadrado, a R$ 1.058. Considerando os bairros pesquisados, o preço médio do metro quadrado em setembro variou entre R$ 7.859, no Distrito Federal, e R$ 3.452, em Salvador.

Em São Paulo, a média foi de R$ 5.778 e, no Rio de Janeiro, de R$ 7.082. Na média das sete regiões, o valor do metro quadrado anunciado foi de R$ 5.936. O Índice FipeZap, desenvolvido e calculado pela Fipe, acompanha o preço médio do metro quadrado de apartamentos prontos em seis municípios brasileiros e no Distrito Federal.

 

Anúncios